terça-feira, 25 de janeiro de 2011

O mito do 13º




Ingleses e britânicos não costumam colocar 13º andar em seus edifícios. Qualquer semelhança com o décimo terceiro salário por lá, não é mera coincidência.  Ingleses e americanos recebem ordenados semanais. 
No Brasil, embora a CLT determine o pagamento de13º salário para os trabalhadores com carteira assinada, o tal salário extra, na realidade não existe. É uma ilusão aritmética. Quer ver? Vamos aos cálculos.

Imagine um trabalhador que recebe 1000 reais por mês. Em um ano, o faturamento dele é de 12 mil reais. 

Somando-se o 13º, o salário anual passa para 13 mil reais.

Agora, se refizermos os cálculos por semana trabalhada, teremos uma diferença no salário anual. 

1000 reais é o equivalente a quatro semanas de trabalho a 250 reais. 

O ano possui 52 semanas. (365 : 7 = 52,...)

Agora a mágica: Se multiplicarmos 250 reais por  52 semanas obteremos 13 mil reais!
O mesmo valor de 13 meses de salário.

Moral da história: 13º salário não existe. O empregador apenas devolve o que deixou de pagar durante o ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário